Riotur estima 6 milhões de foliões para 2018

A prefeitura do Rio de Janeiro está otimista e espera de um recolhimento de 3,5 bilhões, ultrapassando 2017 em 500 milhões. Em uma entrevista coletiva o prefeito do Rio Marcelo Crivella, abre a coletiva cantando “quem não gosta de samba, bom prefeito não é”.

O povo Carioca renasce das cinzas quando o assunto é carnaval, é possível perceber nas redes sociais a mobilização, a entrega incondicional do povo para fazer essa festa cada vez mais linda, o exemplo bem claro está na Beija Flor que por problemas de interdição de suas instalações, convocou seus foliões para voluntariamente confeccionarem suas fantasias.

Marcelo Crivela ainda destaca em entrevista todo o esforço de sua equipe, para que o carnaval de 2018 seja um espelho dessa capacidade do povo carioca em realizar esse evento na magnitude que ele é, um carnaval marcado pela paz e harmonia entre cariocas e turistas.

Para isso a Prefeitura está à disposição, mesmo sendo objeto de descontentamento de muitos carnavalescos. Convoca nominalmente alguns estados para que se façam presente, seguindo o exemplo de alguns Prefeitos que certificaram presença, entre eles João Doria de São Paulo.

Marcelo Alves, Presidente da Riotur destaca, “O Rio de janeiro precisa que esse que é seu maior evento seja um sucesso”. O evento consegui angariar um custeio de 38,5 milhões, oriundos da iniciativa privada, quantia que supera a de todos os anos. Este recurso será usado para o pagamento de 3.375 agentes de segurança, um investimento extremamente necessário, garantindo mais confiabilidade aos foliões, tanto do Rio como os turista que chegam de todo Brasil.

As Tropa Federais são uma reivindicação tanto da Prefeitura do Rio de Janeiro, como também da Riotur de forma oficializada, a argumentação para este pedido tem como base o evento das olimpíadas, que teve um público muito inferior se comparado ao carnaval.

Segundo Marcelo Crivela, é preciso manter a tranquilidade do folião, para que ele não perda o entusiasmo e o espirito festivo do carnaval. Todos precisam estar confiantes que o Rio de Janeiro está bem resguardado, e que não existe espaço para acontecimentos desagradáveis.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *