70% dos estudantes de ciências biológicas escolhem a licenciatura para formação

Os novos dados divulgados pelo Censo da Educação Superior, revelaram que cerca de 70% dos estudantes que se formaram em ciências biológicas nesses últimos anos escolheram a opção de licenciatura. A formação em bacharelado apareceu em segundo plano para os estudantes.

Os dados mais recentes são do ano de 2015, onde foi apontado que 13.633 estudantes escolheram a licenciatura na formação de biologia, e apenas 5.808 se formaram com o bacharelado. Mesmo com uma grande diferença entre os dois tipos de formação, ainda há diversos alunos e ex-alunos que aconselham a formação acadêmica nas duas modalidades, para que o profissional possa ampliar as oportunidades de trabalho que existem no mercado.

O profissional que se forma com a opção de licenciatura se torna apto para trabalhar como professor em escolas públicas e privadas de educação básica e também em projetos que visam a educação de forma informal como é o caso de museus e parques, segundo a legislação. Para as duas modalidades, o estágio tem caráter obrigatório, mas a quantidade de horas pode variar dependendo da instituição de ensino.

No caso da Universidade São Camilo, os estudantes que cursam o bacharelado precisam de um total de 200 horas de estágio feito com supervisão para concluir o curso. No caso dos estudantes que escolhem a licenciatura, a carga horária tem um total de 400 horas que são divididas em estágios para o ensino fundamental e médio. Ambas as modalidades de estágios se iniciam a partir do quarto semestre do curso de biologia.

E há também, em poucas universidades, a opção de cursar tanto a licenciatura quando o bacharelado de forma única. Ou seja, você faz o curso uma única vez e sai com o diploma de licenciatura e bacharelado, podendo trabalhar nas duas áreas de atuação. No caso das demais universidades, isso não acontece. É preciso cursar uma modalidade e depois a outra para adquirir os dois diplomas. Sendo assim, leva muito mais tempo para concluir os cursos e atuar nas duas áreas.

A primeira opção dos estudantes deve ser aquela em que ele quer de fato trabalhar. Se possível, escolher uma outra opção para atuar, pode auxiliar em uma busca maior por oportunidades de trabalho.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *