Novo vírus ataca computadores e consegue roubar dinheiro

 

Image result for virus de computador

A segurança da informação é um requisito que precisa ser priorizado diante dos avanços tecnológicos que cada vez mais envolvem transações financeiras que precisam de sigilo e proteção. Os vírus que tentam aplicar um golpe em um computador tem a intenção de se aproveitar de alguma falha no sistema para tirar uma vantagem grande. O cuidado com a proteção das informações de um computador ou de uma rede de computadores devem sempre garantir a inviolabilidade dos dados, mas nem sempre é isso o que acontece.

Um novo ciberataque surgiu com a intenção de roubar moedas virtuais em uma proporção gigantesca. Segundo especialistas na área de segurança da informação, o novo malware tem o nome de Adylkuzz e age se aproveitando da vulnerabilidade do sistema operacional Windows da mesma maneira que o vírus WannaCry, que conseguiu bloquear dados em mais de 300 mil computadores em mais de 150 países, mas o vírus Adylkuzz tem uma forma de ação mais discreta para conseguir subtrair dinheiro de suas vítimas virtuais.

O especialista e pesquisador em segurança cibernética da Proofpoint, Nicolas Godier

afirmou: “Ele utiliza, com mais discrição e para diferentes propósitos, ferramentas de pirataria recentemente reveladas pela NSA (Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos) e a vulnerabilidade agora corrigida pela Microsoft”.

Em uma nota para a imprensa a empresa Microsoft confirmou que o vírus o WannaCry foi desenvolvido a partir de um código criado pela NSA, que foi usado explorar uma fraqueza no código de segurança do Windows. O código teve o seu vazamento por ações de hackers em agosto de 2016 e assim foi criado um vírus que conseguiu infectar com um amplo alcance computadores de diferentes partes do mundo.

Em um novo ataque recente o especialista diz: “Ainda desconhecemos o alcance, mas centenas de milhares de computadores podem ter sido infectados” afirmando para a AFP Robert Holmes, da Proofpoint. Conforme as investigações que estão sendo feitas já foi constatado que o novo ataque pelo vírus Adylkuzz tem uma proporção muito maior que o WannaCry.

O ataque do vírus Adylkuzz cria de forma invisível unidades de uma moeda virtual que não é localizável, tem o nome de Monero e se assemelha com o Bitcoin. As informações que são usadas pelo ataque são obtidas a partir do computador afetado e são enviadas a um endereço que mantém seu sigilo com criptografia.

O principal sintoma desse vírus é a performance do computador que se torna mais lenta. A empresa Proofpoint afirma que conseguiu detectar em alguns computadores um pagamento de milhares de dólares sem que seus usuários estivessem cientes. Já ocorreram vários ataques dessa categoria que envolve moedas virtuais, no entanto, nenhum ataque teve uma escala tão alta e com resultados tão devastadores quanto o realizado por Adylkuzz.

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *