Pela terceira vez, Zero Hora, do Grupo de Comunicação de Duda Melzer, está na final do Prêmio INMA

Pelo terceiro ano seguido, o jornal Zero Hora (ZH) – que pertence ao Grupo RBS, instituição gaúcha presidida por Eduardo Sirotsky Melzer, também conhecido como Duda Melzer – chega à final do Prêmio International News Media Association (INMA). Os vencedores serão conhecidos no dia 23 de maio, no Global Media Awards Dinner, em Nova York (EUA). O jantar de premiação do evento é parte da programação do 87ª INMA World Congress of News Media, que acontece anualmente.

A INMA é uma comunidade global de empresas de mídia líderes de mercado, composta por mais de 7,4 mil executivos de mais de 600 empresas de mídia em mais de 80 países. A competição proposta pela instituição é focada em premiar ações de sucesso comercial e de marca, baseada em um contexto de rápidas mudanças na mídia – situação vivida pela ZH.

Nesta edição, entre o mundo todo, 115 foi o número de finalistas. A seleção foi feita com base em 20 categorias dividas em nacionais e regionais. A ZH está na categoria de Melhor Uso de Redes Sociais, no grupo de marcas regionais/locais – junto com a plataforma Brilio.net, da Indonésia, e o jornal NewsLocal, da Australia

Ano passado, o jornal gaúcho do Grupo de comunicação de Duda Melzer foi reconhecido no prêmio INMA pelo ZH Tablet, na categoria Melhor Conteúdo Pago ou Iniciativa para Novas Mídias – além disso, também foi reconhecido pela Casa Destemperados, como Melhor Ideia para Aumentar as Vendas de Publicidade.

A ZH

A Zero Hora pertence ao Grupo RBS, que é um conglomerado de mídia brasileiro, fundado em 31 de agosto de 1957 por Maurício Sirotsky Sobrinho, avô do atual presidente da companhia, Duda Melzer. O jornal foi constituído em 4 de maio de 1964 e é editado em Porto Alegre, capital gaúcha. Ele conta com 17 cadernos, e destaca-se pela forte presença nas redes sociais – Twitter, Facebook, Instagram e Google +. Não é ao acaso que, mais uma vez, a instituição é finalista do Prêmio INMA.

Em uma média realizada pelo índice Torabit – que contabiliza as interações nos perfis de grandes jornais do país no Facebook, Instagram e Twitter – a integrante do Grupo RBS, de Duda Melzer, encerrou o ano passado com resultados satisfatórios no quesito engajamento.

Só no Facebook são dois milhões de fãs – o que significa um aumento de 16,5% em relação aos dados de 2015. No Twitter, foram 55,4% de seguidores a mais em relação ao ano anterior. O Instagram, por sua vez, bateu todos os recordes – foram mais de três milhões de curtidas em fotos postadas na conta do jornal durante o ano de 2016.

Foram as mídias sociais, a propósito, as responsáveis pela chegada de 25% do público de todo o site durante o ano passado – foram mais de 70 milhões de visualizações nas contas do canal de comunicação. E o mérito? São, claro, das estratégias de redes sociais pensadas pela empresa de Duda Melzer.

“Em 2016, trabalhamos duro para garantir nossa relevância na timeline dos leitores. Para isso, fechamos parcerias com o Twitter e qualificamos nossa produção de Lives no Facebook, além de estarmos focados no comportamento dos nossos fãs e seguidores 24 horas por dia, sete dias na semana. Para nós, as redes sociais têm uma importância estratégica que vai muito além da distribuição de conteúdo. O investimento feito em qualificação profissional, ferramentas e relacionamento foi recompensado com nosso engajamento campeão e agora com essa indicação no INMA ao lado de grandes veículos”, comemora a gerente Digital da Zero Hora, Sabrina Passos.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *