Além do arroz com feijão: as impressões de um renomado chef sobre a culinária brasileira

Image result for alex atala

Em entrevista ao Portal Terra, o premiado chef de cozinha, Alex Atala, disse que o alimento que possui maior representatividade em se tratando da culinária brasileira, é a mandioca. Segundo ele, o ingrediente é encontrado em todas as regiões do país, seja em seu estado natural ou em farinhas. Proprietário do restaurante D.O.M., na capital paulista, o profissional acredita que a raiz é vista em mesas de consumidores das mais variadas classes sociais.

Embora trate-se de uma dupla emblemática quando alguém se refere à alimentação do brasileiro, a união do arroz com feijão não é vista por Atala como a combinação exclusiva do país. Considerando a cozinha brasileira como muito vasta, o chef vê infinitas variedades de alimentos e defende a valorização de pratos regionais. Ele não acredita que haja uma região específica que produza um alimento que exclusivamente possa representar o Brasil, dada sua grande extensão territorial.

Sobre o povo brasileiro, Atala acredita em um certo complexo de inferioridade, pois a população aceita bem diversos tipos de culinária, o que o faz concluir que não se trata de um problema de rejeição a novos sabores, mas sim falta de se valorizar devidamente os pratos locais. Para ele, o Brasil difere-se dos demais países justamente pela enorme abertura que apresenta diante da possibilidade de provar paladares diferentes. As declarações foram dadas em uma recente viagem que fez ao Japão com o propósito de divulgar alguns produtos.

Atala alegou que a população carece de alguns exemplos que a motive a consumir os alimentos característicos do país. Para melhorar a auto-estima em torno da culinária nacional, ele emprega os ingredientes brasileiros em diversos pratos de seu restaurante, além de representar o Brasil em países estrangeiros, onde realiza explanações acerca da grande versatilidade e sofisticação dos alimentos. Ele ressalta que os modismos relacionados à alimentação são iniciados quando alguém resolve fazer algo e vira uma espécie de referência para os demais.

Em seu lar, Atala destacou que começou a perceber que seus filhos mais velhos gostavam de comer lanches de redes de fast-food pelo fato de ganharem brinquedos como brinde. Observando esse comportamento, o chef resolveu fornecer-lhes alimentos de melhor qualidade acompanhados de presentes, assim como as lanchonetes de grande porte. Já em relação aos mais novos, ele afirmou que preferem comer sushi.

O chef salienta que é importante que a população modifique o modo como lida com a alimentação. Atala acha necessário que os consumidores compreendam que as práticas sustentáveis de manejo dos produtos transcendem as preocupações com o meio ambiente e devem transitar também por um maior cuidado em se saber sobre o caráter humanitário das produções Brasil afora. Ao perguntarem o que ele achava sobre a tendência dos food-trucks, disse que os profissionais envolvidos poderiam trabalhar em outros locais onde fossem melhor remunerados.

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *