Yutaka Toyota é o autor das obras que decoram o Hospital Copa Star

No ano passado, foi estreado no bairro de Copacabana, Rio de Janeiro, o Hospital Copa Star, pela Rede de hospitais D’Or São Luiz, com um conceito em atendimento de luxo, similar aos dos hotéis cinco estrelas, o que também é conhecido como ‘hotelaria hospitalar’.

Voltado a revolucionar o atendimento hospitalar na cidade do Rio de Janeiro, além de contar com um tratamento premium e com equipamentos de última geração, também dispõe de centros cirúrgicos inteligentes, medicina robótica e quarto automatizados.

Mas há ainda mais a ser destacado, pois ao longo das dependências do hospital, o paciente e seus familiares verão obras de arte em meio a uma iluminação natural. Obras essas cinéticas, da autoria do artista japonês e naturalizado brasileiro em 1968, Yutaka Toyota.

Sobre o artista das obras no Hospital Copa Star

A história desse japonês começou em 1931, quando nasceu na cidade de Tendo, mas só a partir de 1961, quando inicia sua carreira artística a nível internacional, com uma exposição em Buenos Aires, que o hoje grande artista começa a deixar realmente a sua marca na história da humanidade.

Afinal, poucos são aqueles com tamanhas habilidades artísticas como Toyota, que é não apenas escultor, mas também desenhista, cenógrafo, gravador e pintor. Isso talvez se dê, ao menos em parte, por ter começado a gostar de arte desde a infância, mas o fato é que o ponto decisivo de sua vida foi sua decisão de cursar Desenho Industrial na Universidade de Arte de Tóquio, a contragosto do pai, que desejava um filho médico.

Foi também por conta dessa decisão que ele veio parar em nosso país, após um convite de trabalho numa filial de fábrica moveleira prestes a ser inaugurada em São Paulo. E a partir daí o artista foi se aprimorando mais e mais as suas técnicas e conhecimentos da área, à medida em que ia visitando outros países. Assim pôde ter como inspiração o que chama de “espaço cósmico”, criando então a sua identidade, o que proporciona às suas obras um singular estilo de criação.

A exemplo disso, pode ser citado o bom uso da tecnologia feito por ele, ao utilizar tanto aço quanto tintas e madeiras para a base de suas esculturas, que costumam proporcionar ilusões de ótica, dado o paradoxo que apresentam. Diz-se que são paradoxais porque há nelas tanto a impressão de volume quanto de leveza, assim como são ao mesmo tempo espontâneas e instigadoras de reflexão, sem contar que podem causar a impressão de maciez e também de dureza. Bons exemplos dessa arte tão inovadora estão presentes no Hospital Copa Star, vale lembrar.

O impacto de se ter obras de Toyota em um hospital

Como já percebido, as obras do artista multi talentoso são cultuadas internacionalmente, a ponto dele receber convites de diversos países, seja para participar de grandes projetos, seja para criar alguma obra específica. E se suas obras têm valor para apreciadores da arte de países como Itália, Argentina, Japão, Colômbia e Canadá, só para citar alguns, então um hospital que exponha algumas delas passa a servir quase que também de museu.

E pela sua naturalização como brasileiro, não à toa o nosso país também está nessa lista, até porque, se considerarmos apenas Brasil, Estados Unidos e Japão, já se tem aí mais de 100 esculturas monumentais do artista, espalhadas por diversos espaços públicos dessas três nações. Desde o ano passado, no entanto, e como já dito, obras do artista estão também expostas no Hospital Copa Star.

Sendo assim, além dos milhões de reais gastos com instalações e equipamentos dos mais modernos, também pode-se considerar a aquisição de mais de 200 obras desses artista como uma grande aquisição da Rede D’Or São Luiz para o Hospital Copa Star. Afinal, se a intenção deles é proporcionar, como declararam, uma ambiente agradável, que assim propicie uma sensação de bem-estar aos pacientes, visitantes e funcionários, essa contribuição à decoração vem bem a calhar.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *