Sergio Cortes relata sobre o uso excessivo de celulares e a tendinite

A tendinite que é tão conhecida por algumas pessoas agora pode se tornar a realidade das pessoas que não largam o smartphone para nada. Tudo que é em excesso é prejudicial, isso também vale quando o assunto é o vício da conectividade onde o usuário passa horas do seu dia digitando mensagens e visitando as redes sociais.

Segundo os especialistas, essa prática repetitiva já começa a ser associada a diversas doenças, como a mialgia (dores musculares em qualquer região do corpo), artrite (inflamação nas articulações), e a famosa tendinite (inflamação nos tendões).

No caso de quem passa horas digitando apenas com os polegares (como é o caso dos smartphones), tem muito mais riscos de desenvolver uma tendinite, assim reporta o médico ortopedista, Sergio Cortes. Ele relata que isso acontece por causa do uso demasiado e repetitivo do polegar, sendo assim as articulações tendem a se desgastarem, causando inchaço e dores na região. Além do uso demasiado dos celulares, a forma como ele é segurado também contribui para a inflamação dos tendões. Os casos mais comuns de dores nas articulações ocorrem geralmente nos polegares, e não na mão inteira, isso porque o celular é segurado de forma que apenas os polegares ficam livres para poder digitar.

A inflamação do tendão, ou a tendinite, reporta o ortopedista Sergio Cortes, é uma inflamação que ocorre em uma estrutura fibrosa que é responsável por unir o músculo ao osso. Quando essa área inflama, o paciente sente dificuldade em mover a região afetada e sente uma intensa dor nos tendões. Esse problema ocorre porque os tendões são mais maleáveis que o osso, mas são menos flexíveis que os músculos, sendo assim eles são os que mais sofrem com dores, inchaço e inflamações por causa de movimentos repetitivo. A doença também é listada no grupo de doenças que constituí o LER – Lesão por Esforço Repetitivo, e outra característica da tendinite, é que ela afeta mais os tornozelos, os joelhos, os cotovelos, o ombro e os punhos.

O ortopedista Sergio Cortes noticia que a tendinite teve de fato um aumento nos casos devido ao uso dos smartphones, porém a doença também pode ser adquirida através de outras práticas que podem lesionar os tendões. Sergio Cortes explica que passar muito tempo no computador pode ocasionar tendinite. A prática feita de maneira errada, como sem a pausa para os alongamentos, a doença pode se desenvolver.

Sergio Cortes reporta que nem sempre as pessoas conseguem ficar longe do computador, principalmente as pessoas que trabalham com o equivalente. Por essa razão o ortopedista aconselha que seja feito alongamentos de aproximadamente 20 minutos entre intervalos de 2 horas. Somente esse hábito frequente é o suficiente para que os tendões fiquem suavizados a ponto de evitar as inflamações. Outro ponto importante é ficar atento a postura, pois, uma postura incorreta também é capaz de causar a tendinite. Para isso somente é preciso se ater a forma de sentar, colocando os pés bem apoiados e mantendo as costas bem eretas.

O médico ortopedista também reporta que o paciente que sentir os primeiros sinais de tendinite (dor localizada seguida de movimentos repetitivos), deve procurar orientação de um médico.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *